Internacional

Ex-agente da CIA libertada

Foi libertada após perdão 

A antiga agente da CIA, Sabrina de Sousa, detida em Portugal e a aguardar extradição para Itália, foi hoje libertada após ter sido perdoada pelo Presidente italiano, avançou à Agência Lusa o advogado de Sabrina.

Saiu esta segunda-feira um despacho do Tribunal da Relação de Lisboa, que determinou que Sabrina fosse “colocada imediatamente em liberdade”, por solicitação das autoridades italianas.

A antiga agente da CIA deveria ser hoje extraditada para Itália, para cumprir quatro anos de prisão por envolvimento no rapto do egípcio e radical islâmico Abu Omar, mas o presidente italiano, Sergio Mattarella, concedeu um perdão de um ano na pena da ex agente.

Segundo a lei italiana, as penas até três anos podem ser substituídas por trabalho comunitário