Sociedade

Três menores abusadas várias vezes por professor em Felgueiras

Casos remontam ao ano letivo 2010/2011 e 2012/2013

Em 2010 e 2013, um professor residente em Felgueiras, abusou 117 vezes de três meninas que tinham menos de 12 anos.

Os crimes foram cometidos quando o agora arguido dava aulas em dois estabelecimentos de ensino diferentes.

O caso foi denunciado e o professor está agora acusado pelo Ministério Público por um total de 117 crimes de abuso sexual de crianças.

A acusação dá conta de que o professor se aproveitou da relação de confiança que tinha com as alunas, para poder cometer estes crimes.

A primeira vitima terá sido abusada durante o ano letivo 2010/2011 e o docente terá, por várias vezes, tocado no corpo da menor.

Entretanto, o professor acusado mudou de escola e fez mais duas vítimas durante o ano letivo 2012/2013. Este caso ocorreu da mesma maneira, as duas meninas estiveram sujeitas a vários contactos sexuais.

De acordo com a Procuradoria-Geral Distrital do Porto, que ontem divulgou a acusação, "o arguido, aproveitando-se da sua função de professor e da livre disponibilidade de contactos que por força dela tinha com três meninas, apalpou-as por cima da roupa em ocasiões distintas”.

O depoimento das jovens foi considerado credível por parte da investigação e foi fundamental para sustentar a acusação feita.

O professor acusado vai ter agora hipótese de requerer a abertura da instrução, caso pretenda contestar os crimes pelos quais está acusado.