Desporto

Fórmula 1. Alonso pede motores iguais para todos, Hamilton queria... mais mulheres

Primeira conferência de Imprensa de 2017 cheia de sorrisos e gargalhadas

A primeira conferência de Imprensa de 2017 na Fórmula 1, onde foi lançado o Grande Prémio da Austrália, que arranca esta madrugada, contou com vários momentos descontraídos e de boa disposição. Fernando Alonso, Lewis Hamilton, Daniel Ricciardo e Sebastian Vettel foram os elementos que constituíam o painel, e não desiludiram a audiência.

Primeiro, Alonso. O espanhol, ao ser questionado sobre possíveis mudanças a apresentar à Liberty Media (os novos proprietários da Fórmula 1), pediu desde logo “motores iguais para todos”. De pronto, Hamilton retorquiu. “Com essa não concordo”, com Ricciardo a meter-se: “Mas que não sejam elétricos.” E Hamilton voltou ao barulho: “E que não sejam Honda… estava a brincar!”

Mais a sério, Ricciardo pediu um Grande Prémio em Las Vegas, Vettel na Alemanha e Hamilton em Miami. Mas o piloto britânico não se ficaria por aqui. "Gostaria que dessem mais passes a mulheres no ‘paddock’. Há demasiados homens”, atirou, arrancando gargalhadas a todos os presentes no evento.