Desporto

Clássico. Quatro detidos pela ASAE por especulação de bilhetes

No rescaldo do Benfica-FC Porto, a PSP havia anunciado 11 detenções, das quais apenas uma por especulação. O crime é punível com pena de três anos


A Autoridade de Segurança Alimentar e Económica (ASAE) comunicou a detenção de quatro pessoas no sábado, em Lisboa e Santo Tirso, por especulação e venda irregular de bilhetes para o Benfica-FC Porto. "As detenções foram efetuadas pela Unidade Nacional de Informações e Investigação Criminal na sequência de anúncios publicitados em sites eletrónicos, cujos valores de transação atingiram os 600 por cento de lucro", pode ler-se num comunicado divulgado esta segunda-feira por aquela instituição.

Os quatro indivíduos serão ainda hoje presentes a julgamento. A ASAE relembra que o crime de especulação é punido com pena de prisão até três anos, recomendando aos consumidores que evitem a aquisição de bilhetes acima do valor oficial.

No rescaldo do clássico, a PSP havia anunciado 11 detenções, das quais apenas uma por especulação.