Politica

Marques Mendes volta a criticar estratégia de Passos

Ex-líder do PSD lamenta que Passos não apresente propostas e diz que entrevista foi "um tiro falhado" 

 

Marques Mendes voltou a criticar a estratégia de Passos Coelho no seu espaço de comentário, na SIC. Desta vez a razão foi a entrevista em que o presidente do PSD criticou Marcelo e reafirmou que não se demite no caso de perder as autárquicas.

"Não devia ter dado a entrevista, neste momento, porque o governo está em alta e a oposição está em baixa", disse o ex-líder do PSD.

Marques Mendes começou por elogiar o "esforço" de Passos Coelho para fugir ao discurso tradicional e "não ser tão fatalista", mas lamentou que desta entrevista não tenha saído uma única ideia. "Faltou ali uma ideia para o país, propostas para o país, uma ideia diferente. É isso que gera esperança e mobilização".

O conselheiro de Estado concluiu que a entrevista foi "um tiro falhado" e "um erro", porque o que resultou dela foi uma critica a Marcelo e a garantia de que não se demite se perder as eleições autárquicas. "Com estas mensagens não ganha um voto. Com este tipo de entrevista não ganha um voto. O resultado final é um tiro falhado", concluiu Marques Mendes.