Politica

CDS evoca Soares

Isabel Galriça Neto aproveitou o discurso do 25 de Abril para lembrar o legado de Mário Soares e do 25 de Novembro.


"Neste que é o primeiro 25 de Abril após a morte de Mário Soares, figura central da nossa Democracia, é de elementar justiça referir aqui o seu nome", começou por dizer a deputada centrista Isabel Galriça Neto.

"Celebramos a visão, a ousadia e a coragem e a superação de tantos, lembrando também os que no 25 de Novembro reconduziram o país para o verdadeiro rumo da Liberdade e da Democracia", afirmou Galriça Neto, que no 25 de Abril não quis deixar de lembrar o 25 de Novembro.

"Se me é permitida uma nota pessoal, enquanto filha de militar e com dolorosas memórias da guerra colonial, celebrar o 25 de Abril e também o 25 de Novembro, é não esquecer dias e horas de inexcedível alegria", recordou a deputada, que considera que celebrar Abril "é um ato de justiça".

Num dia em que os discursos de PEV, PCP e BE foram marcados pelo ataque às políticas ditadas por Bruxelas, o CDS aproveitou para lembrar a importância do papel de Portugal na Europa.