Sociedade

Advogado revela motivo que poderá ter originado atropelamento de adepto do Sporting

"Teve de fugir e, na fuga, aconteceu o acidente"

Carlos Melo Alves, o advogado do homem que atropelou o adepto italiano do Sporting nas imediações do Estádio da Luz, revelou esta quinta-feira o que aconteceu na noite do crime.

Luís Miguel Pina "contou-me que vinha embora do estádio quando foi obrigado a parar, porque adeptos da Juve Leo lhe atingiam o carro com pontapés e barras de ferro. A viatura ficou toda amolgada", disse o advogado em declarações ao jornal Público.

"Teve de fugir e, na fuga, aconteceu o acidente", continuou, realçando que o seu cliente que está indiciado por homicídio simples “ nunca matou ninguém”.