BCE

Compra de obrigações portuguesas no mínimo

O Banco Central Europeu (BCE) comprou em abril 526 milhões de euros de obrigações do Tesouro de Portugal. Este é o montante mais baixo da história do programa de compra de ativos que começou em dezembro de 2015.  

Foram menos 137 milhões que em março, num valor que compara ainda com as compras de 1405 milhões de euros registados no mesmo mês do ano passado e com a média de 1000 milhões de euros desde o início do programa.

O abrandamento, que é uma tendência dos últimos meses, é justificado pelas regras, que impedem o banco central de deter mais de 33% de uma linha de obrigações ou do total da dívida considerada para efeitos do programa. Desde o início do programa o BCE já comprou 27143 milhões de euros em obrigações do tesouro, montante que equivale a 24% do saldo vivo de Obrigações do Tesouro.

Para além disso o banco central reduziu o ritmo do programa compra de ativos de 80000 milhões para 60000 milhões de euros.