Politica

PSD: Bons números do desemprego são resultado do anterior Governo

O deputado Adão e Silva do PSD veio hoje reforçar o que Pedro Passos Coelho já tinha defendido: a baixa do desemprego para os 10% é da responsabilidade do anterior Governo.

No dia em que o debate quinzenal com António Costa será dominado pelos temas laborais, o PSD congratula-se com os números do INE, mas espera que a atual maioria não reverta as reformas ao Código do Trabalho que julga estarem na origem da quebra do desemprego.

"Estes números que  são positivos e com os quais nos congratulamos são a prova cabal de que a reforma laboral levada a cabo pelo anterior Governo foi uma excelente reforma estrutural", afirmou o deputado Adão e Silva.

Para Adão e Silva foram as alterações ao Código de Trabalho para tornar mais flexíveis as leis laborais que ajudaram à retoma do desemprego, que está hoje em mínimos históricos dos últimos 17 anos.

"Esperemos que o Governo não revogue esta reforma laboral", avisou o social-democrata, frisando que os valores agora anunciados pelo INE estão "em linha com o que tinha acontecido em 2014 e 2015".

"Há uma continuidade", frisa o deputado, que ainda assim diz que o que está a verificar-se agora "embora bom, é menos bom do que aconteceu em 2014 e 2015".