Sociedade

Colégios com contrato de associação de novo em pé de guerra com a tutela

Redução de 38,7% no número de turmas

O Ministério da Educação vai cortar o financiamento a mais 268 turmas de colégios no próximo ano letivo, disse ontem a tutela.

No total, em setembro serão 1.046 as turmas de colégios que vão receber 80,5 mil euros por ano do Estado, para que os alunos não paguem as propinas. 

Nos três últimos anos letivos o Ministério da Educação reduziu em 661 o número de turmas financiadas.

Em 2015/2016 havia 1.707 turmas que recebiam dinheiro do Estado. No próximo ano serão 1.046. É uma redução de 38,7% no número de turmas,diz a Associação de Ensino Privado e Cooperativo.

O corte do financiamento foi uma das medidas que mais contestação gerou contra a tutela.