Desporto

Escócia. Bruno Alves no Rangers para "ganhar títulos"

Internacional português vai ser treinado pelo compatriota Pedro Caixinha

Bruno Alves já tem novo clube: o internacional português, que ontem acertou a desvinculação com o Cagliari, de Itália, foi esta quarta-feira oficializado como reforço do Glasgow Rangers, da Escócia, orientado pelo técnico luso Pedro Caixinha.

O central, que deverá juntar-se esta quinta-feira aos trabalhos da Seleção Nacional, tendo em vista os encontros que se avizinham com Chipre e Letónia, assinou por duas temporadas com o histórico clube escocês, que este ano regressou à primeira divisão depois de superar uma grave crise financeira que o obrigou a passar pelos escalões secundários.

Nas primeiras palavras como jogador do Rangers, Bruno Alves não escondeu o otimismo e a ambição. "Ganhei em quase todos os clubes onde joguei e espero ganhar aqui: pelos fãs e pelo clube. Quero voltar a ser campeão. Esse foi um dos melhores sentimentos que tive ao longo da carreira e a última vez que fui campeão por um clube foi no Fenerbahçe. Quero sentir isso novamente", frisou o central português, em declarações à Rangers TV. "Todas as pessoas que vêm aqui nunca esquecem a experiência. É um ambiente fantástico. A forma como as pessoas vivem o futebol e o quão gostam do clube contribuíram para que eu assinasse por este clube fantástico", reforçou, assumindo ainda que o facto de ser orientado por Caixinha também foi decisivo: "Estou feliz por ser treinado por ele. Penso que tem qualidade e ideias para levar este clube novamente ao sucesso. Ele foi importante para que eu assinasse pela equipa."

Em 17 anos como profissional, Bruno Alves vai para o oitavo clube, depois de FC Porto (primeiro a equipa B e depois cinco anos no conjunto principal), Farense, Vitória de Guimarães, AEK de Atenas, Zenit, Fenerbahçe e Cagliari. Na última época, pelo emblema italiano, cumpriu 37 jogos e apontou um golo.

 

✍️🇵🇹 The club is today delighted to confirm Bruno Alves has signed on a two year deal #WelcomeBruno https://t.co/zqIvQQBP45 pic.twitter.com/a9gc1nE3pZ

— Rangers FC (@RangersFC) 31 de maio de 2017