Desporto

Deco: "André Silva faz-me lembrar o Fernando Torres"

O antigo internacional português diz que o avançado ex-FC Porto pode marcar "pelo menos dez golos" na primeira época no AC Milan

A transferência milionária de André Silva para o AC Milan suscitou muita curiosidade em Itália. Desse modo, o prestigiado jornal "La Gazzetta dello Sport" decidiu entrevistar Deco, de modo a ficar a conhecer melhor o avançado português, e o antigo internacional luso encontrou um jogador comparável ao jovem que agora deixou o FC Porto.

"É jovem e tem futuro. É titular do FC Porto e da seleção e por aí se vê que é um jogador importante. No FC Porto jogava como primeiro ou segundo avançado. Tem facilidade de movimentos, dentro e fora da área. Poderá demonstrar isso no Milan. É um avançado completo. Faz-me lembrar um pouco o Fernando Torres. Não é só um avançado de área, move-se muito em campo", enalteceu Deco. Curiosamente, Torres também passou pelos rossoneri em 2014/15, embora sem grande sucesso (dez jogos e um golo antes de regressar ao Atlético de Madrid).

Instado a apontar um número específico de golos para André Silva na primeira época no AC Milan, Deco não foi muito ambicioso, mas justificou a sua opinião. "Diria que fará pelo menos dez golos. Para um primeiro ano em Itália não seria mau. Mas não é uma pergunta fácil de responder. E ele não marca apenas golos. Também cria ocasiões", ressalvou o antigo médio dos dragões, que foi ainda questionado sobre outra curiosidade: é que André Silva, ainda quando alinhava pelo Salgueiros, em criança, tinha precisamente como alcunha... Deco. "Como ele jogava a médio e com o número 10 começaram a chamar-lhe Deco. A alcunha funcionava. Nos últimos tempos estivemos juntos e brincámos com isso", gracejou o Mágico.