Alemanha

Confiança empresarial em alta

A confiança dos empresários alemães está alta. De acordo com o Instituto de Investigação Económica (Ifo), que o índice de confiança empresarial na Alemanha subiu em junho para 115,1 pontos, um novo máximo de sempre e contra 114,6 pontos em maio, sustentado pela economia "muito forte". 

O índice de confiança empresarial Ifo baseia-se nas respostas de quase 7000 empresas dos setores industrial, da construção, das vendas por grosso e a retalho sobre a conjuntura atual e as perspectivas para os próximos seis meses.

"O sentimento dos empresários alemães é de contentamento. As empresas estão cada vez mais satisfeitas com a sua situação este mês. E também esperam que continue a melhorar”, disse o presidente do Ifo, Clemens Fuest.

De acordo com o índice, os níveis de procura e de encomendas são altos e as empresas industriais preveem aumentar a produção.

A confiança empresarial melhorou no setor das vendas por grosso pelo terceiro mês consecutivo, para um máximo desde dezembro de 2010. No setor do retalho, o otimismo dos retalhistas face à situação atual atingiu o máximo desde setembro de 2015.

Em sentido contrário, a confiança empresarial desceu no setor da construção, ainda que num nível elevado.

A economia germânica expandiu 0,6% no primeiro trimestre, e o governo prevê que atinja 1,5% no conjunto do ano. Há mesmo previsões que o crescimento possa igualar os mesmos 1,8% de 2016.

Segundo Fuest a economia alemã está muito forte. “Na indústria o índice aumentou ligeiramente. As bases da atual situação continuaram inalteradas a um nível muito elevado”.