Vida

Manuel Luís Goucha escreve carta aberta ao pai

“O maricas fez-se homem", escreveu o apresentador 

Manuel Luís Goucha partilhou recentemente no seu blogue, 'Cabaret do Goucha', uma mensagem emotiva na qual recorda as palavras homofóbicas do pai.

Numa carta aberta, o apresentador das manhãs da TVI afirma ter sofrido com a homofobia do pai que lhe chamou "maricas", quando tinha nove anos de idade. “Lembras-te de como reagiste? Recordo-o, como se o tivesses acabado de dizer: 'Então temos um maricas na família!'.

Manuel Luís Goucha vinga ainda as palavras do pai, recordando a sua ascensão na vida: “O maricas fez-se homem, balizando-se em valores que considera justos e universais, pouco ligando ao juízo dos de fora, quando o único que me interessava, o da mãe, escutei-o aos dezoito, já eu era por minha conta e risco: 'só quero que sejas feliz!'”, lê-se.