Internacional

Venezuela. Oposição anuncia nova greve geral para quinta-feira

Decisão tomada após a consulta popular de domingo, que resultou na rejeição da constituinte proposta por Nicolas Maduro

A oposição venezuelana, liderada pela Mesa da Unidade Democrática (MUD) - a coligação política que detém a maioria da Assembleia Nacional - anunciou a convocação de uma greve geral em todo o país, para a próxima quinta-feira.

Os opositores ao governo acreditam que os mais de 7 milhões de venezuelanos que ontem participaram na consulta popular sobre a proposta do regime de eleição de uma assembleia constituinte são um sinal da sua legitimidade política para enfrentar os planos de Nicolas Maduro e pretendem demonstrá-lo.

Para além da marcação da greve, a MUD anunciou ainda que irá escolher novos juízes para o Tribunal Supremo da Venezuela e que vai preparar-se para lançar as bases para a formação de um governo de unidade nacional.