LifeStyle

Há algo que traz ainda mais felicidade do que o dinheiro

Quantas vezes ouviu a frase “Não tenho tempo para…?” Provavelmente muitas.

O tempo é, sem dúvida, um dos bens mais preciosos que temos, e a sua escassez tem vindo a tornar-se no preocupação mundial, especialmente nos dias que correm.

De acordo com um estudo, citado pela BBC, o tempo agora também é um sinónimo de felicidade. O estudo incluiu 6,271 pessoas dos Estados Unidos, Canadá, Dinamarca e Holanda.

Segundo a investigação, ter tempo deixa as pessoas mais felizes, mesmo quando têm de pagar por isso. Na prática, todos os participantes do estudo pagaram 40 dólares, cerca de 34 euros, para se conseguirem livrar de certas tarefas e, com isso, ganhar mais tempo. Todas elas se mostraram mais felizes do que se tivessem gasto a mesma quantia de dinheiro em bens materiais.

"Numa série de inquéritos, descobrimos que as pessoas que gastam dinheiro para comprar mais tempo livre são mais felizes, ou seja, sentem-se mais satisfeitas", revela a mentora do estudo Elizabeth Dunn.

Mas afinal, como é que se paga para se ter tempo? Basta, por exemplo, contratar serviços de limpeza à casa, comprar comida fora e não cozinhar ou pagar a alguém para fazer as compras no supermercado.