Sociedade

Ex-bombeiro detido no Algarve por suspeita de ter ateado três fogos

 O suspeito foi bombeiro em várias corporações do concelho de Silves 

Um homem de 37 anos foi detido por suspeitas de ter de ter sido o autor de pelo menos três crimes de incêndio florestal em Silves, anunciou ontem à tarde em comunicado a Polícia Judiciária de Portimão.

De acordo com a TVI24, o suspeito foi bombeiro em várias corporações do concelho de Silves e terá ateado os fogos entre junho e julho em zonas florestais.

O homem vai agora ser presente a primeiro interrogatório para a eventual aplicação de medidas de coação.