Vida

Mulher grávida morta em ritual satânico

Vítima tinha 26 anos e estava grávida de seis meses

Uma mulher de nacionalidade argentina foi esfaqueada até à morte e lançada para uma fogueira, durante aquilo que as autoridades suspeitam ser um ritual satânico.

De acordo com o jornal Metro, citado pelo Correio da Manhã, Fernanda Pereyra, de 26 anos, estava grávida de seis meses.

O corpo da vítima foi encontrado na cidade de Rincon de los Sauces, na Argentina, ao quilómetro 6 da estrada 66 – as autoridades suspeitam que o corpo tenha sido colocado ali numa alusão ao número 666, associado ao diabo.

A carrinha onde a vítima foi transportada até àquele local já foi encontrada pelas autoridades. A polícia detetou a presença de bocados de cabelo e sangue de Fernanda.

Três pessoas já foram detidas por suspeita de envolvimento no crime: o ex-namorado de Fernanda e dois amigos deste último. Estão ligados ao tráfico de droga e suspeita-se que pratiquem rituais satânicos - Na casa de Luciano, o ex-companheiro da vítima, foi encontrada uma ovelha sacrificada.