Desporto

Conselho de Disciplina pede abertura de processo a Jorge Sousa

Em causa estão os impropérios dirigidos pelo árbitro internacional a Stojkovic, guarda-redes da equipa B do Sporting

O Conselho de Disciplina da Federação Portuguesa de Futebol (FPF) requereu à Comissão de Instrutores da Liga a abertura de um processo sumário ao árbitro Jorge Sousa, na sequência das palavras que este dirigiu a Vladimir Stojkovic, guarda-redes do Sporting B, no decorrer do jogo com o Real, na terceira jornada da II Liga.

Os impropérios do árbitro internacional para com o guardião dos leões são bem audíveis na transmissão televisiva e mereceram de imediato uma reação de repulsa por parte do Sporting. Se este comportamento for entendido como uma violação do artigo 198º do Regulamento Disciplinar, Jorge Sousa poderá ter de enfrentar um período de suspensão de um a cinco jogos.

Cabe agora à Comissão de Instrutores da Liga analisar a situação e aceitar a abertura do processo ou, pelo contrário, decidir a sua arquivação.