Banca

Haitong bank com prejuízos de 80 milhões

O Haitong Bank teve prejuízos de 79,8 milhões de euros no primeiro semestre deste ano, acima dos 19,6 milhões negativos nos primeiros seis meses de 2016. 

O antigo BES Investimento, em informação à Comissão do Mercado de Valores Mobiliários (CMVM) afirma que as medidas que levou a cabo até junho para "reestruturar e reposicionar o negócio com o objetivo de transformar a instituição num banco de investimento autossuficiente" justificam o agravamento dos gastos.

O Haitong refere ainda que o resultado foi penalizado por "imparidades no semestre no montante de 38 milhões de euros, acima dos 3 milhões de euros verificados no período homólogo de 2016".

A instituição revelou ainda que aumentou o seu capital social em 38,5 milhões de euros depois de em maio e junho já ter realizado duas operações de aumento de capital.

"O Haitong Bank informa que aumentou o seu capital social em 38.500.000,00 euros (trinta e oito milhões e quinhentos mil euros), por entradas em espécie, de créditos", lê-se na informação à CMVM, em que acrescenta que esta recapitalização foi totalmente subscrita pelo seu principal acionista, o grupo chinês Haitong (sediado em Hong Kong).

Já este ano, o Haitong tinha aumentado o capital social por duas vezes. Em maio foram 60 milhões de euros e em junho 160 milhões.

Com a operação fica concluída a recapitalização exigida pelo Banco de Portugal ao Haitong Bank, que fica com um capital social de 844,769 milhões de euros.

No resgate do Banco Espírito Santo (BES), em agosto de 2014, o BES Investimento foi integrado no Novo Banco, tendo sido vendido em setembro de 2015 ao grupo chinês Haitong por 379 milhões de euros e denominado Haitong Bank.