Sociedade

Detido sapador florestal suspeito de atear fogo na Covilhã

A PJ anunciou hoje, em comunicado, a detenção de um sapador florestal de 34 anos.


Em comunicado, o Departamento de Investigação Criminal da Polícia Judiciária da Guarda, adianta que o suspeito foi detido ao "início da madrugada de hoje" e que se encontrava no local numa ação de prevenção.

"O detido é um elemento da própria equipa de sapadores florestais que se encontrava no terreno em missão de prevenção, mas que ateou o fogo de forma dissimulada, por meio de chama direta".

O suspeito vai agora ser presente às autoridades para primeiro interrogatório e submissão a determinadas medidas de coação.

O incêndio teve início pelas 16h47, na localidade de Abuceira, freguesia de Erada, no concelho da Covilhã, e arderam "várias centenas de hectares de mata e de floresta, tendo sido colocadas em perigo várias populações existentes na zona".