Sociedade

Jovem que empurrou amigo nas escadas rolantes condenado a seis meses de pena suspensa [vídeo]

Ministério Público acredita que não houve intenção de matar

Bruno Cruz foi condenado a seis meses de pena suspensa pela morte de Diogo Montenegro, num caso que remonta a 2014.

O jovem agora condenado empurrou o amigo das escadas rolantes do Centro Comercial Alegro, em Setúbal, e Diogo Montenegro acabou por morrer devido à queda.

O Ministério Público alega que Bruno Cruz empurrou o amigo, provocando a queda que levou à sua morte, mas que não houve intenção de matar.

O vídeo das câmaras de segurança do centro comercial, a que o SOL teve acesso, mostra o momento em que o jovem empurra o amigo.

Na base da acusação estava um vídeo, que como o SOL avançou, trouxe novas informações sobre o caso.