Desporto

Beira-Mar reclama prémio Puskás (com vídeo)

Vítor Hugo, defesa dos aveirenses, assinou um golaço que garantiu a vitória nos descontos perante o Pampilhosa. "Intencional", garante o clube, talvez com alguma ironia à mistura

Longe da ribalta há alguns anos, depois de passar por uma grave crise financeira que quase culminou com o desaparecimento do clube, o Beira-Mar tem dado nos últimos tempos mostras de querer voltar a ressurgir no panorama futebolístico português.

Atualmente a competir no escalão principal dos distritais de Aveiro, o clube que em 98/99 venceu a Taça de Portugal tem feito um trabalho muito interessante nas redes sociais, e desta feita voltou a dar que falar com a publicação no Facebook do golo que valeu a vitória neste fim-de-semana: 2-1 ao Pampilhosa.

O tento foi apontado pelo defesa Vítor Hugo... de trás do meio-campo. Incrível, é verdade. Pode ter contado com a colaboração do relvado e eventualmente do guardião adversário, mas não deixa de ser impressionante. Veja aqui:

Ora, os gestores de comunicação das redes sociais do Beira-Mar não ficaram parados e, de forma mais ou menos sincera, garantem que o golo foi intencional e reclamam a candidatura ao... prémio Puskás. "Os invejosos vão dizer que não foi com intenção. Prémio Puskás para o nosso Vítor Hugo já e uma consulta no cardiologista para as 4000 pessoas que estavam no estádio!", pode ler-se na publicação, que já conta com mais de 11 mil visualizações.