Vida

Jovem morta uma hora depois de apresentar queixa por violência doméstica

Homem acabou por ser detido pelas autoridades, mesmo depois de ter tentado fugir 

Uma jovem, de 20 anos, foi assassinada esta segunda-feira, em Cartagena, comunidade espanhola, uma hora depois de ter feito queixa às autoridades contra o seu ex-companheiro, por violência doméstica.

A jovem foi agredida com uma arma branca, dentro de casa, e o seu ex-namorado acabou por ser detido perto do local do crime.

De acordo com o El Mundo, a mulher já tinha denunciado o assédio e as ameaças do seu ex-companheiro, precisamente uma hora antes do crime.

Pelas 11h30, quando já estava em casa, a jovem foi agredida, e a família chamou os serviços de emergência, mas já não foi possível fazer nada pela vítima, que acabou por morrer.

O homem tentou esconder-se e fugir do local, mas acabou por ser apanhado pelos vizinhos.

As primeiras investigações indicam que se tenha tratado de um caso de violência doméstica, e esta segunda-feira realizou-se uma concentração silenciosa pelo fim da violência contra a mulher.

O município terá decretado dois lias de luto e pediu um minuto de silêncio pela jovem.