Economia

Ryanair cancela mais de 18 mil voos até março

Faro é o destino mais afetado
 

As más notícias voltaram. A Ryanair voltou a cancelar mais voos, e vai deixar de realizar, pelo menos, 18 mil ligações até março. A companhia aérea low-cost anunciou, esta quarta-feira, que a rota Newcastle-Faro é uma das afetadas, e poderá atingir cerca de 400 mil clientes.

A Ryanair adiantou que vai deixar de operar 25 aviões de um total de 400, entre novembro deste ano e março de 2018, e ainda menos 10 aviões de um total de 445 aviões a partir de abril de 2018, escreve o Guardian. 

Segundo o Guardian, a empresa está a informar os clientes dos cancelamentos de voos através de um email, e está a propor-lhes que escolham entre o reembolso dos bilhetes ou um voo alternativo.

A companhia justifica estes cancelamentos com a redução do número de aviões disponíveis no período de inverno.