Sociedade

Supermercados podem vir a ter falta de produtos hortícolas devido a falta de chuva

A Associação Interprofissional de Horticultura do Oeste alertou, esta quarta-feira, para o problema.

"Este tempo seco está a atrasar as plantações das culturas hortícolas e os hortícolas podem vir a faltar no mercado", adiantou à agência Lusa o presidente da Associação Interprofissional de Horticultura do Oeste, António Gomes, acrescentando ainda que os viveiros "estão cheios de plantas" que não são vendidas. "Os agricultores têm receio de produzir, se não chover", disse também.

António Gomes calcula que, dos cerca de cinco mil hectares de culturas ao ar livre e de estufa, que nesta altura estariam já ocupadas com as produções de couves, tomates, alfaces, espinafres e outras leguminosas, apenas existem dois mil.

"As culturas que existem estão em risco, se não chover", alertou.

O setor hortofrutícola teme que possam existir elevados prejuízos, decorrentes da falta de produção no mercado nacional e da eventual quebra nas exportações.