Politica

Juncker transmitiu a Costa palavras de solidariedade e condolências pelas vítimas dos incêndios

Presidente da Comissão Europeia telefonou a António Costa 

O presidente da Comissão Europeia, Jean-Claude Juncker, falou esta segunda-feira com o primeiro-ministro de Portugal, António Costa, para transmitir palavras de solidariedade e condolências pelas vítimas dos incêndios, que já provocaram, até ao momento, 36 vítimas mortais.

Durante o telefone, segundo fonte do gabinete do líder executivo, Juncker manifestou total disponibilidade de Bruxelas, no sentido de dar auxílio ao Estado Português no combate às chamas e na reparação dos danos causados pelos incêndios.

Também o comissário europeu para a Ajuda Humanitária e Gestão de Crises, Christos Stylianidesm, esteve em contacto com a ministra da Administração Interna, Constança Urbano de Sousa, em que dirigiu palavras de apoio de condolências.

Na conversa que teve com a ministra da Administração Interna, Constança Urbano de Sousa, o mesmo responsável de Bruxelas adiantou que, através do acionamento do mecanismo de Proteção Civil da União Europeia, vai ser dada e disponibilizada toda a assistência às autoridades portuguesas.

"Estes meios aéreos vão operar nas zonas mais afetadas pelos incêndios em Portugal e poderão prestar apoio valioso para os esforços nacionais de emergência", eslareceu.