Sociedade

Alerta do IPMA e Proteção Civil: risco elevado de incêndio até quarta-feira

Tempo seco e temperaturas elevadas estão na origem deste alerta


O Instituto Português do Mar e Atmosfera (IPMA) alertou este sábado para o aumento do risco de incêndio, devido ao tempo seco e à subida das temperaturas.

O risco de incêndio aumenta a partir de hoje e deverá manter-se elevado até quarta-feira.

A partir de domingo "deverá ocorrer uma subida gradual dos valores da temperatura do ar", com os valores a serem mais altos do que a média para a segunda quinzena de outubro: "na generalidade do território, a partir de dia 24 as temperaturas deverão atingir no máximo 25° a 30°C", lê-se no comunicado do IPMA.

Com base nestes valores, a Autoridade Nacional de Proteção Civil (ANPC) lançou este sábado um "aviso à população devido ao agravamento das condições meteorológicas, com uma subida da temperatura", explicando que estão reunidas "condições favoráveis à ocorrência e propagação de incêndios florestais".

A ANPC refere, em comunicado, que até ao final do mês vive-se em Portugal um "período crítico", pelo que não é permitido "realizar queimadas de fogueiras para recreio ou lazer ou para confeção de alimentos", "utilizar equipamentos de queima e de combustão destinados a iluminação ou a confeção de alimentos", ou "queimar matos cortados e amontoados, bem como qualquer outro tipo de sobrantes de exploração".