Sociedade

Avião atingido por um raio origina atrasos nos voos da SATA

Companhia aérea foi obrigada a reagendar vários voos para este fim-de-semana

DR  

A SATA Air Açores viu-se na obrigação de reagendar diversos voos marcados para este fim-de-semana, depois de uma das suas aeronaves ter sido atingida por um raio na sexta-feira. 

O incidente ocorreu em pleno voo, mas não impossibilitou o trajeto do o Q200 da Sata Air Açores entre as Flores e Ponta Delgada. 

Segundo o porta-voz da companhia aérea António Portugal, o avião “chegou normalmente” ao aeroporto de chegada e “até iria sair para fazer o voo subsequente”. A deteção de “pequenas fissuras” levou à decisão de reparar a aeronave. 

O porta-voz lembrou que estas situações são “normais numa época como esta” e que “as aeronaves estão preparadas para descargas elétricas”. “[Os passageiros] não se aperceberam”, garantiu. 

Para além da reprogramação, o incidente provocou atrasos nos voos previstos para este sábado. Em declarações à Lusa, António Portugal garantiu, no entanto, que todos os passageiros vão chegar aos seus destinos. 

“Foram reprogramados alguns voos, vão ser verificados alguns atrasos, porque obviamente a falta de uma aeronave cria sempre alguns constrangimentos ao nível dos horários previamente estipulados, mas os passageiros vão ser todos distribuídos por outros voos e chegar aos seus destinos ainda hoje”, explicou o porta-voz.