Cultura

James Toback terá assediado mais de 300 mulheres

A denuncia foi feita pelo autor de uma reportagem sobre as vítimas de Toback

No passado domingo, o Los Angeles Times publicou uma reportagem onde 38 mulheres acusavam James Toback de assédio sexual. No entanto, o autor da reportagem referiu que o número de mulheres que contactou para falar sobre a sua experiência subiu para 310.

Muitas das alegadas vítimas dizem que o produtor as abordava na rua sob a promessa de as tornar em estrelas. Toback marcava reuniões com as mulheres, que terminavam com questões de cariz sexual ou outros atos sexuais, de acordo com os testemunhos.

O argumentista negou as acusações, dizendo que nunca conheceu nenhuma das mulheres ou que se as contactou não se lembra.

Entre as alegadas vítimas estão as atrizes Selma Blair, Rachel McAdams e Julliane Moore.

As acusações surgiram pouco depois de uma publicação no New York Times sobre o produtor Harvey Weinstein durante anos ter conseguido uma série de acordos extrajudiciais para pôr fim às denúncias de assédio sexuais que remontam a 1990.