Desporto

Taça da Liga. Árbitros retiram pré-aviso de greve

A APAF diz que a Liga mostrou sensibilidade para com os árbitros, mas deixa o aviso: se o clima de ameaças continuar, haverá mesmo greve e é no campeonato


O pré-aviso de greve dos árbitros aos jogos da Taça da Liga agendados para novembro e dezembro foi retirado. A revelação foi feita esta segunda-feira pela Liga Portuguesa de Futebol Profissional e pela Associação Portuguesa de Árbitros de Futebol (APAF), após reunião entre os dois organismos à margem da assembleia-geral da Federação Portuguesa de Futebol (FPF).

"Os árbitros aceitaram e foram sensíveis ao pedido da Liga em retirar o pré-aviso de greve. A Liga deu finalmente um sinal de que está com os árbitros e que não está de acordo com os métodos de comunicação que alguns clubes têm vindo a utilizar", referiu Luciano Gonçalves, líder da APAF, deixando porém um sério aviso para o futuro: "Se voltarem a pôr em causa a honorabilidade dos árbitros, por parte de clubes e das suas máquinas de comunicação, iremos ser implacáveis e vamos fazer uma paragem nos campeonatos."

Pedro Proença, presidente da Liga, assumiu compreender as exigências dos árbitros. "Também nós reconhecemos, a determinada altura, e nas posições que temos tido com a APAF, que, aqui e acolá, o ambiente não tem sido o mais favorável em relação às equipas de arbitragem", realçou o ex-árbitro.