Desporto

Liga dos Campeões. FC Porto bate Leipzig (3-1) e já está em posição de apuramento

Dragões subiram ao segundo lugar do grupo G, a quatro pontos do Besiktas, que empatou na receção ao Mónaco. Na próxima jornada, os portistas visitam Istambul. Tottenham bateu o Real Madrid pelo mesmo resultado e já está apurado, tal como o Manchester City de Bernardo Silva

Em noite de glória para o Tottenham, que bateu o Real Madrid (3-1) e beneficiou de novo empate entre o Dortmund e o APOEL (1-1) para garantir desde já o apuramento para os oitavos-de-final da Liga dos Campeões - tal como o Manchester City, que foi vencer por concludentes 4-2 a casa do Nápoles -, o FC Porto alcançou a primeira vitória caseira: 3-1 ao RB Leipzig. Este resultado coloca os dragões no segundo lugar do grupo G, quando faltam duas jornadas para o fim da fase de grupos.

O FC Porto adiantou-se no marcador logo aos 13 minutos, por Herrera, na sequência de um lance muito confuso na área dos alemães. Logo após o intervalo (48'), Timo Werner, que havia acabado de entrar para o lugar de Bruma, empatou num golo extraordinário, mas Danilo voltaria a colocar os dragões em vantagem aos 61', num lance em que parece estar em posição de fora-de-jogo. Já no tempo de compensação, Maxi Pereira selou as contas num contra-ataque rápido.

Na próxima jornada, os azuis-e-brancos deslocam-se a Istambul, onde esta quarta-feira Besiktas e Mónaco empataram (1-1), com os turcos a perder os primeiros pontos nesta edição da Champions. O português Rony Lopes marcou para os franceses em cima do intervalo, após combinação com João Moutinho, mas a abrir a segunda parte, Cenk Tosun empatou num penálti a castigar falta do brasileiro Jorge sobre Ricardo Quaresma. O Besiktas, que contou ainda com Pepe no onze, soma agora dez pontos, contra os seis do FC Porto. O Leipzig tem quatro e o Mónaco, que na próxima ronda recebe os alemães, segue no último lugar com apenas dois pontos.

Nos outros jogos da noite, destaque para o já referido encontro entre o Tottenham e o Real Madrid. Em Wembley, os Spurs contaram com uma noite de sonho de Dele Alli, que bisou (27' e 56', este a passe do ex-sportinguista Dier), antes do dinamarquês Eriksen aumentar para 3-0 aos 65'. O melhor que o campeão europeu conseguiu foi reduzir a desvantagem a dez minutos do fim, por intermédio de Cristiano Ronaldo. Em Dortmund, também houve golo português, mas também ele serviu de pouco: Raphael Guerreiro abriu o marcador para a equipa da casa aos 29', mas Poté, que já havia marcado no surpreendente empate da terceira ronda (também 1-1), repetiu o feito e deu novo ponto ao APOEL, capitaneado novamente por Nuno Morais. Dortmund e APOEL ficam assim com dois pontos e praticamente arredadas do apuramento.

O grupo F também já tem uma equipa apurada: o Manchester City. Com Bernardo Silva a partir dos 76', os citizens venceram por 4-2 em casa do Nápoles e garantiram a qualificação para os oitavos-de-final, onde também está já quase o Shakhtar Donetsk de Paulo Fonseca, que venceu na Ucrânia o Feyenoord por 3-1, depois de até ter começado a perder. O City tem 12 pontos e o Shakhtar, que na próxima jornada se desloca a Nápoles, tem nove, contra três dos italianos. Arredado da luta está o Feyenoord, que ainda não somou qualquer ponto.

Mais equilibrado está o grupo E, com três equipas separadas por três pontos. Na liderança vai o Liverpool, que bateu o Maribor por 3-0, chegando aos oito pontos. Logo atrás, com sete, está o Sevilha, que venceu na receção ao Spartak de Moscovo (2-1). Os russos somam cinco pontos, mas recebem o Maribor (um ponto e praticamente eliminado) na próxima ronda e podem recuperar terreno para um ou ambos os concorrentes, que se defrontam em Sevilha.