Economia

Promoções dos hipermercados investigadas pela ASAE

DECO recebe várias queixas sobre promoções enganosas

A Autoridade de Segurança Alimentar e Económica (ASAE) realizou 930 inspeções às promoções dos hipermercados, desde o início do ano e foram encontradas várias irregularidades. Quase duas em cada dez fiscalizações acabaram em contra ordenação.

A DECO também recebe várias queixas de consumidores que dizem serem enganados. Segundo explicou a DECO ao Correio da Manhã, as queixas são recorrentes porque  “o preço apresentado pela promoção pague 1 leve 2 não é efetivamente baixo, ou o preço apresentado nessa promoção não é o mais baixo do supermercado ou o produto anunciado esgotou logo ou nem existia no local”. A associação recomendou aos consumidores que se queixem quando o conteúdo dos folhetos for enganoso ou quando o produto não estiver disponível.

Desde o início do ano que, a ASAE explicou que já “foram instaurados 159 processos de contra ordenação, correspondendo a 65% das infrações à falta de envio de declaração de saldo à ASAE com antecedência de cinco dias”, desrespeitando as regras de anúncio de venda de produtos com promoção.