Desporto

Zlatan sobre a seleção sueca: “Sem mim, não são tão bons”

Ibrahimovic diz que a sua seleção fica mais fraca sem ele.

O avançado sueco, que se retirou da seleção após o Euro 2016, diz que, sem ele, os compatriotas jogam “sem pressão”.

“Quando eu estava, todos esperavam que ganhássemos os Europeus e Mundiais, porque era essa a pressão que eu impunha e era aquilo que vinha de fora”, disse Zlatan.

“Hoje em dia, se a Suécia ganhar, não é como quando eu jogava. Se eu ouvir o meu ego, devo dizer que quando jogava, éramos melhores. Sem mim, não são tão bons”, acrescentou.

Zlatan Ibrahimovic, agora com 36 anos, está atualmente lesionado, mas pode voltar aos relvados no fim do ano.