Desporto

Tiago Brandão Rodrigues considera que "o futebol é um espetáculo" e "nunca pode ser, um reality show"

Ministro falou em entrevista à TSF e Diário de Notícias


O governo promete aplicar penalizações mais fortes para tornar o futebol mais pacífico. Em entrevista à TSF e Diário de Notícias, Tiago Brandão Rodrigues, ministro da Educação, com tutela do Desporto, revelou que o governo tem ouvido a Liga e a Federação para resolver os problemas.

“Esse é um caminho que estamos a fazer, no entendimento de quais são os instrumentos que nós temos de possuir entre todos para que possamos dar resposta a quem subverte”, referiu Tiago Brandão Rodrigues, quando questionado acerca da sua posição sobre as sanções que existem para os dirigentes no futebol, quando estes apelam ao ódio e criticam abusivamente os árbitros.

“A viciação de resultados começou a ser entendida nos jogos da primeira liga e da segunda, como uma possibilidade, inclusivamente tivemos alguns casos que foram noticiados de envolvimento de jogadores e que estão a ser julgados. Foi entendido também (…) que era preciso fazer algo e existe neste momento uma nova moldura penal”, relembrou o ministro.

O ministro rematou dizendo que “há algo de que não nos podemos esquecer: o futebol é um espetáculo, agora, o futebol não pode ser, nunca pode ser, um reality show”.

Os comentários estão desactivados.