Economia

Arrendar quartos com rendas acessíveis dará descontos nos impostos

Decreto-lei deverá ficar pronto no próximo ano

Quem arrendar quartos ou partes da casa a um valor razoável e com contrato de longa duração ficará isenta de pagar o imposto sob o valor da renda.

Segundo o Jornal de Notícias, Ana Pinho, secretária de Estado da Habitação, afirmou que esta medida também irá abranger o regime de coabitação e o decreto-lei deverá ficar pronto no final de março do próximo ano.

O governo desafiou ainda as câmaras a juntarem-se a este desafio, fazendo, pelo menos, uma redução de 50% ou até mesmo a isenção de IMI e IMT.

No entanto, os senhorios que aderirem a este programa não poderão pedir caução nem fiador.