Sociedade

Trabalhadores de supermercados vão fazer greve antes do Natal

Greve foi anunciada pelo Sindicato dos Trabalhadores do Comércio, Escritórios e Serviços de Portugal (CESP).

Os trabalhadores de super e hipermercados, grandes superfícies especializadas, armazéns e logísticas da distribuição vão fazer greve nos dias que antecedem o Natal, segundo anunciou o Sindicato dos Trabalhadores do Comércio, Escritórios e Serviços de Portugal (CESP).

Todo o setor de distribuição vai parar nos dias 23 e 24 de dezembro e na sexta-feira, dia 22, também haverá paralisações.

Em causa está “a negociação do contrato coletivo de trabalho do setor; o aumento dos salários de todos os trabalhadores” e ainda a “manutenção do valor pago por trabalho suplementar e por trabalho em dia feriado, contra a redução do valor das horas extras e do trabalho aos feriados; e os horários de trabalho regulados, contra o banco de horas, pelo direito à conciliação da vida profissional com a vida pessoal e familiar”, refere o comunicado do CESP.

A mesma nota refere ainda que as empresas têm de mudar de atitude e “valorizar a especialização dos trabalhadores” bem como “aumentar os salários de todos”.