INE

Défice até setembro em 0,3%

O défice orçamental fixou-se em 393,9 milhões de euros até setembro, ou seja, 0,3% do Produto Interno Bruto (PIB). 

No mesmo período de 2016 o valor era de 2,8% e até junho era 1,4%. O objetivo do Governo é 1,4% para a totalidade do ano, mas o primeiro-ministro já anunciou que será inferior a 1,3%.

Segundo dados divulgados esta sexta-feira pelo Instituto Nacional de Estatística (INE), “para o conjunto dos três primeiros trimestres de 2017, o saldo global das Administrações Públicas fixou-se em -393,9 milhões de euros, representando -0,3% do PIB (-2,8% do PIB em igual período do ano passado) ".

No Orçamento do Estado para 2017, o ministro das Finanças, Mário Centeno, comprometeu-se com um défice de 1,6% do PIB em 2017. Em abril, com a entrega do Programa de Estabilidade, a meta foi revista em baixa para 1,5%. E em outubro, a previsão do Orçamento do Estado para 2018 passou ara 1,4%.

Ontem, na apresentação dos cumprimentos de Natal ao Presidente da República, António Costa afirmou que, este ano “vamos ter um défice que hoje já se pode dizer, sem causar arrepios ao ministro das Finanças, que será inferior a 1,3%".