Internacional

Erdogan quer recuperar boas relações com União Europeia

“Não temos qualquer problema com a Alemanha, nem com a Holanda nem com a Bélgica", referiu o presidente turco

O presidente da Turquia, Recep Tayyip Erdogan, quer recuperar as boas relações com a União Europeia.

Edorgan referiu que pediu à Alemanha, Bélgica e Holanda apoio para aprovar, em Assembleia das Nações Unidas uma solução contra o reconhecimento de Jerusalém como capital de Israel. “Temos a mesma opinião sobre este assunto (…). Desejamos ter boas relações com a União Europeia e com os países da UE”.

“Não temos qualquer problema com a Alemanha, nem com a Holanda nem com a Bélgica. Pelo contrário: os seus dirigentes são antigos amigos meus. Foram injustos para comigo, mas isso foi um aparte”, referiu o presidente à imprensa turca durante a viagem de avião para a Tunísia, local que está a visitar oficialmente a partir desta quinta-feira.

A Alemanha e Holanda impediram vários comícios de altos cargos turcos durante a campanha para o referendo constitucional na Turquia e, na altura, Edorgan chamou os líderes desses países de xenófobos e de agirem como nazis.

Quando questionado sobre possíveis visitas a países da União Europeia, Erdogan não colocou entraves. “Não há qualquer motivo para não as fazer. Sempre disse que devemos reduzir o número de inimigos e aumentar o número de amigos”.