BdP

Dívida Pública baixa em novembro

A dívida pública baixou 2,5 mil milhões de euros em novembro do ano passado, por comparação com outubro, para o valor mais baixo desde janeiro de 2016. Ainda assim, e face a novembro de 2016, subiu 975 milhões de euros. 

De acordo dados revelados pelo Banco de Portugal (BdP), a dívida pública caiu pelo terceiro mês consecutivo e nestes três meses baixou mais 7,5 mil milhões de euros, em grande parte devido aos reembolsos ao Fundo Monetário Internacional (FMI).

"Esta variação reflete essencialmente o reembolso antecipado de empréstimos do Fundo Monetário Internacional", que em novembro totalizou 2,8 mil milhões de euros, refere a nota do Banco de Portugal.

Em outubro a quebra tinha sido de 3,8 mil milhões de euros, em grande parte devido à amortização, a 16 de outubro, de uma obrigação do Tesouro a dez anos, no valor de seis mil milhões de euros.

Em novembro o Estado português pagou mil milhões de euros ao FMI, elevando para 10 mil milhões de euros os pagamentos antecipados em 2017 e para 80% o total do empréstimo já amortizado. 

Os dados do BdP mostram ainda que por comparação com novembro de 2016, a dívida pública subiu para 242,8 mil milhões de euros, um aumento de 975 milhões de euros. Ainda assim, abaixo dos objetivos do governo.

Em termos absolutos, a meta definida pelo Governo aponta para uma dívida pública na ordem dos 242,9 mil milhões de euros, pelo que o valor alcançado em novembro já cumpre este objetivo.

Já a dívida pública líquida de depósitos das administrações públicas ficou em 222,2 mil milhões de euros em novembro, menos 620 milhões de euros em relação a outubro, mas mais 3,5 mil milhões de euros face a novembro de 2016.

O BdP divulgou ainda que os ativos em depósitos das administrações públicas diminuíram 1,8 mil milhões de euros, face a outubro.