Sociedade

Por ano, GNR 'dá uma volta ao mundo' para salvar vidas

“Sabia que, por ano, damos o equivalente à volta ao mundo a transportar órgãos para salvar vidas?”


A Guarda Nacional Republicana (GNR), em comunicado, explicou que tem mais funções do que as pessoas sabem e uma delas é transportar órgãos para os hospitais.

A GNR afirmou que em 2017 transportou 284 órgãos numa missão que englobou 569 militares e que correspondeu a mais de 41 mil quilómetros percorridos.

“A Guarda Nacional Republicana (GNR), desde 1994, através da sua valência de trânsito, em todo o território nacional, desempenha a missão de transporte de órgãos entre vários centros hospitalares”, pode ler-se na página oficial da GNR.

A GNR referiu ainda que depois de contactarem com a Unidade de Saúde que tem o órgão é mobilizada uma patrulha de trânsito para realizar o transporte até ao hospital requerente. “A qualidade e segurança da transplantação de órgãos depende do tempo necessário para o seu transporte, competindo assim à GNR, e em respeito das condições de segurança, chegar ao destino no menor tempo possível, contribuindo deste modo para o salvamento de mais uma vida”, explicou.

“Sabia que, por ano, damos o equivalente à volta ao mundo a transportar órgãos para salvar vidas?”, escreveu a GNR no seu Facebook.