Economia

Governo está a avaliar a situação de redução das portagens no interior

"O objetivo do Governo é incentivar o investimento, como forma de criação de emprego e retenção e atração de populações", afirmou o ministro Adjunto, Pedro Siza Vieira

“Confirmo que, de facto, o Ministério do Planeamento e das Infraestruturas está a fazer essa avaliação, sempre no sentido de contribuir para a competitividade da atividade económica no Interior, na medida em que o objetivo do Governo é incentivar o investimento, como forma de criação de emprego e retenção e atração de populações. Essa é uma ferramenta que o Ministério do Planeamento e Infraestruturas está a ponderar”, afirmou Pedro Siza Vieira, ministro Adjunto, no final do Conselho de Ministros, quando confrontado pelos jornalistas sobre o facto do aumento das portagens ser mais prejudicial para o interior do país.

O ministro referiu ainda que “o ministério do Planeamento das Infraestruturas encontra-se a avaliar a situação das portagens no interior” e que no início do mandato do governo houve “uma redução de portagens para os transportes de mercadorias”.

Na terça-feira, a Comunidade Intermunicipal das Beiras e Serra da Estrela aprovaram um voto coletivo de indignação pelo aumento das portagens e pediram uma reunião urgente com o ministro do Planeamento e das Insfraestruturas.