Economia

Governo da Madeira aprova subida do salário mínimo

Salário irá passar de 570 para 592 euros 

O Conselho do Governo Regional da Madeira aprovou esta quinta-feira o aumento do ordenado mínimo regional. O salário sofrerá uma subida de 22 euros, fixando-se nos 592 euros.

“Este acréscimo salarial visa contribuir, nos limites do possível e da atual conjuntura económica, para a melhoria dos níveis remuneratórios do conjunto de trabalhadores que auferem retribuições mais baixas, no cumprimento dos objetivos da política social, assumidos pelo Governo Regional”, pode ler-se no documento com as conclusões da reunião semanal do executivo madeirense.

No ano passado, o parlamento tinha fixado o valor do ordenado nos 570 euros mensais. 

Em Portugal continental, este ano, o salário mínimo também aumentou 23 euros, passando dos 557 euros para 580 euros mensais.