Sociedade

Incêndios no Pinhal de Leiria tiveram origem em mão criminosa, confirmam as autoridades

O pinhal ficou destruído quase na totalidade.

A Polícia Judiciária confirmou à Lusa esta segunda-feira que os incêndios que destruíram quase na totalidade o Pinhal de Leiria tiveram origem em mão criminosa.

A fonte da PJ ouvida pela Lusa não detalhou o método utilizado para atear os fogos. A investigação vai continuar, sulinham as autoridades.

Já este sábado o semanário Expresso avançava que os incêndios de Leiria tinham sido ateados com recurso a “um engenho artesanal”. Os investigadores ainda não conseguiram identificar os autores.

Os incêndios de 15 de outubro destruíram cerca de 86% do Pinhal de Leiria.