Sociedade

Marcelo sobre casos de legionela: Há que “repensar a saúde toda”

O Presidente da República esteve esta sexta-feira no hospital CUF Descobertas, em Lisboa, onde visitiou os doentes internados com legionela.
 

Marcelo Rebelo de Sousa falou aos jornalistas à saída do hospital, afirmando que foi mostrar aos doentes infetados com legionela  que “é o presidente de todos os portugueses”.

"Como estive em São Francisco Xavier aqui teria de estar para mostrar que há um sistema nacional de saúde e que o Presidente é sensível, tal como o Governo, à situação de todos os portugueses", explicou Marcelo.

O Chefe de Estado indicou que os doentes têm tido uma “evolução favorável”, e que um deles já teve alta esta manhã.

Ao ser questionado pela comunicação social sobre o sistema de saúde, Marcelo declarou que já passaram "várias décadas" desde que foi aplicado, a seguir ao 25 de Abril, e que há que "repensar a saúde toda" para se conseguir responder aos "novos desafios e necessidades".

Marcelo Rebelo de Sousa salientou que "muitas vezes em Portugal começa-se pelo fim", medindo recursos antes de se conhecerem os próprios desafios.

Recorde-se que já foram diagnosticados quinze casos de legionela no hospital CUF Descobertas, três deles estão internados nos cuidados intensivos, revelou a Direção Geral de Saúde.