Politica

Eutanásia. Ferreira Leite alerta que "os perigos são muitos"

Ex-líder do PSD defende que legalização teve maus resultados noutros países 

A ex-líder do PSD considera que "os perigos são muitos relativamente à legalização" da eutanásia e deu o exemplo de países como a Bélgica em que "os casos têm aumentado de forma exponencial".

No seu habitual comentário na TVI, Ferreira Leite defendeu ainda que a solução passa por apostar mais em cuidados paliativos. 

A despenalização da morte assistida é uma questão que está longe de ser consensual no PSD. Rui Rio foi um dos subscritores do manifesto, lançado em 2016, para despenalizar a morte medicamente assistida. Os deputados vão ter liberdade de voto quando forem debatidos os diplomas sobre esta matéria no parlamento.

O Bloco de Esquerda apresentou no início desta semana o projecto de lei que “regula as condições em que a antecipação da morte, por decisão própria da pessoa com lesão definitiva ou doença incurável e fatal que se encontra em sofrimento duradouro e insuportável, não é punível”.

O PS anunciou que vai apresentar um projecto próprio até março e pretende que a discussão seja feita no parlamento ainda nesta sessão legislativa.