Internacional

Youtuber Logan Paul volta a chocar ao eletrocutar ratos | VÍDEO

Logan Paul, um popular youtuber, saltou para a ribalta pelas piores razões depois de ter filmado um vídeo onde se podia ver um homem que se tinha suicidado na floresta de Aokigahara, no Japão.

No vídeo, publicado no início de janeiro, Logan Paul surge numa floresta, no Japão, com um cadáver pendurado numa árvore, indicando que a vítima se tinha enforcado. Pouco tempo depois, o vídeo foi removido do Youtube e Logan Paul pediu desculpas publicamente.

O Youtuber estava a trabalhar num projeto relacionado com o filme ‘The Thinning’, que foi divulgado o ano passado na Youtube Red – uma particularidade da rede social que oferece apenas conteúdos produzidos pela mesma – no entanto, foi afastado do projeto, bem como da série ‘Foursome’, uma série do Youtube.

Depois desta polémica, Logan esteve parado durante algum tempo, mas agora voltou com um novo vídeo que está a chocar a Internet e já mereceu uma série de reações por parte de utilizadores e associações como foi o caso da associação norte-americana PETA, que afirmou que "o comportamento de Logan Paul é imperdoável".

Num vídeo filmado na sua mansão na Califórnia, EUA, Logan Paul surge num vídeo a eletrocutar dois ratos mortos com recurso a uma pistola elétrica. Naquele momento, o Youtuber diz que "nenhum rato vem a mim casa sem ser eletrocutado. Odeio ratos".

Lisa Lange, vice-presidente da PETA, disse ao site TMZ que "este tipo de conteúdos não tem lugar no YouTube nem em lado algum, já que pode fazer com que os jovens desvalorizem a crueldade com os animais."

O vídeo ainda se encontra na rede social Youtube, mas o mais certo é ser retirado muito em breve à semelhança do que aconteceu com o vídeo anterior.