Sociedade

Descobertos restos mortais de Maëlys

O suspeito de ter morto Maëlys, de apenas nove anos, acabou por levar as autoridades até ao local do crime, onde se encontravam os restos mortais.

Descobertos restos mortais de Maëlys

Em conferência de imprensa o procurador da república de Grenoble, Jean-Yves Coquillat, confirmou que os restos mortais da criança foram hoje encontrados, depois da menor ter desaparecido a 27 de agosto, durante uma festa de casamento.

De acordo com o procurador, terão sido descobertos pelos cães pisteiros o que se pensa ser “o crânio” da criança e outra ossada.

Recorde-se que Nordahl Lelandais era o único suspeito deste caso, mas ao longo dos meses negou sempre o seu envolvimento da morte da menina. Esta quarta-feira, após ter sido ouvido novamente pelos juízes, mudou de ideias e acabou por admitir ter culpa na morte de Maëlys e orientou as autoridades até ao local onde estavam enterrados os restos mortais da menor.

Nordahl tem 34 anos, é um ex-militar e foi hoje levado para uma zona a cerca de dez quilómetros do local onde a menina terá desaparecido.

Recorde-se que Maëlys desapareceu em Pont-de-Beauvoisin, em França, a 27 de agosto de 2017, quando estava com a família numa festa de casamento.

Os comentários estão desactivados.