Desporto

Luís Filipe Vieira: "Todas as vitórias [do Benfica] foram obtidas de forma limpa"

"Posso garantir que os benfiquistas podem andar de cabeça bem levantada em nome do Benfica. Chego aqui como presidente do Benfica de cabeça bem levantada", afirmou o presidente do Benfica

Luís Filipe Vieira, na inauguração da Casa do Benfica em Braga, esta sexta-feira, referiu que o clube irá usar todos os meios possíveis para acabar com as suspeitas que têm surgido em torno do Benfica

"Posso garantir que os benfiquistas podem andar de cabeça bem levantada em nome do Benfica. Chego aqui como presidente do Benfica de cabeça bem levantada. Pronto para, uma a uma, desmontar nos locais próprios, da Justiça, todas as suspeitas que nos imputaram. Uma a uma e pôr responsabilidade naqueles que mentiram de forma criminosa sobre o Benfica. A recente decisão do Tribunal da Relação do Porto faz cumprir a lei de impedir o FC Porto de cometer o crime de divulgar correspondência privada, de por fim à vergonha de quem praticava o crime. É como roubarem-nos o carro e vermos todos os dias quem se passeava nele a dizer que nada tinha a ver com o assunto. Tenham vergonha. Da nossa parte, cabeça levantada, sim. Não cometemos nenhuma ilegalidade", afirmou o presidnete do Benfica.

Vieira referiu ainda que "todas as vitórias foram obtidas de forma limpa" e que não serão encontrada provas "que ponham em causa o rigor demonstrado em todas as competições".

"Não é por repetir mentiras que os factos passam a ser verdadeiros", sublinhou e contiunou afirmando que o clube nunca convidou árbitros para a sua casa. 

"Quanto aos vouchers, as autoridades judiciais competentes arquivaram o processo, todas. Nos emails, o único crime provado é o roubo de mais de uma década de correspondência privada. Gabando-se de terem tido acesso a troca de correspondência interna, com linguagem mais informal, como é normal em todas as empresas, manipulando emails. A Justiça poderá esclarecê-lo", rematou Luís Filipe Vieira.

Sobre a Operação Lex, Vieira disse que nunca misturou a sua vida privada com "funções no clube". "Nunca ninguém poderá apontar o contrário.  Não há ninguém ao cimo desta terra que possa dizer que me servi do Benfica para termos pessoais. Muitas mentiras e deturpação têm sido ditas. De certeza que vou sair do Benfica mais pobre e não mais rico. A verdade virá ao de cimo. Não vai haver mais ninguém que defenda o Benfica como eu. Tenho dado tudo de mim em prol do Benfica. Isto causa inveja a muita gente. É difícil ter a 4.ª classe e ser presidente de um clube assim", realçou.