Sociedade

Universidades portuguesas em destaque

Dez departamenros universitários em top 100 mundial por área

Este ano há dez departamento de universidades portuguesas públicas que merecem destaque entre os 100 primeiros lugares do ranking mundial da “QS World Universities” na tabela que avalia as área pedagógicas de instituições de ensino superior. 

A Universidade de Lisboa tem sete departamentos entre o 51.º e o 100.º lugar: Arquitetura/Urbanismo, Arte e Design, Engenharia Civil, Geografia, Desporto,  Estatística e Pesquisa Operacional. Já a Universidade do Porto tem os departamentos de Arquitetura/Urbanismo, Engenharia Química, Engenharia Civil e Desporto no top 100.

 Na tabela geral deste ranking surgem cem departamentos de sete universidades portuguesas, tendo sido registada uma subida de posição de 33 departamentos de universidades diferentes. Por isso, a consultora britânica Quacquarelli Symonds (QS), responsável pelo ranking, destacou mesmo Portugal nesta 8ª edição, dizendo mesmo que foi “o país europeu com a melhoria mais significativa no último ano”. 

Apenas sete departamentos baixaram de lugar. Apesar de não estar entre os 100 primeiros lugares, foi a Universidade de Coimbra que registou a maior melhoria, com oito dos seus 17 departamentos destacados no ranking. A Universidade do Porto teve metade (onze de 22) dos seus departamentos  no ranking. 

A Universidade de Harvard continua a ser a instituição com mais departamentos (14) a ocupar a primeira posição de cada área. Em seguida surge o Massachusetts Institute of Technology (MIT), com 12 departamentos no topo. A Universidade de Oxford ficou em 1.º lugar com quatro departamentos e no total houve 30 departamentos de universidades asiáticas que ficaram nas dez primeiras posições. A QS avaliou os departamentos de 48 áreas pedagógicas e teve como base os resultados de mais de 30 milhões de alunos.